DIGA-ME COM QUEM ANDAS - E EU DIREI QUEM TU ÉS




1 Coríntios 15.33; Provérbios 17.17

·         Disciplina da Amizade
Hoje a amizade encontra-se em tempos ruins. Poucos homens têm bons amigos, muito menos amizades profundas. O individualismo, a autonomia, a privatização e o isolamento são culturalmente relevados, em detrimento da amizade devotada, profunda e acentuadamente mais sensível. Esta é uma grande tragédia para as pessoas, para a família e para a Igreja, porque isto está cada vez mais arraigado em nossos relacionamentos, distanciado-nos das saudáveis amizades que Deus quer que construamos. Porém, amizades profundas e amizades em geral (amizades íntimas, boas amizades e amizades casuais) estão aí para serem feitas, se as valorizamos como devemos – e se praticarmos algumas simples disciplina da amizade.

·         A Oração

Temos de orar especificamente pela ajuda de Deus, para realizarmos as mudanças interiores que expandirão nossa capacidade de fazer amizades. E devemos orar pela oportunidade de desenvolvê-las. Estes pedidos podem não ocorrer naturalmente nas mentes da maioria dos homens, mas são orações que Deus se deleita em responder conforme minha própria experiência e de muitos outros cristãos que testificam amplamente. Você está precisando de algumas boas amizades? A lógica espiritual requer que a oração seja por onde você deve começar.

Comente pelo Facebook ()
Ou Comente Aqui (0)

Seja o Primeiro a Comentar!

Caso precise de resposta em sigilo, favor utilizar a nossa página de contato :)