SIMPLICIDADE


Simplicidade, simplicidade.

É a palavra que resume o meu renovo. Queria estar aqui escrevendo um texto, usando talvez alguns versículos bíblicos para me embasar, tentei, inclusive. Mas não há outra palavra em meu pensamento, que não seja esta: Simplicidade.

Este texto é um pouco além do que sou acostumado a falar e escrever. Este texto relata um renovo incrível que veio sobre a minha vida através da simplicidade em fazer a obra de Deus, e tenho certeza que pode vir a trazer um grande renovo a você, leitor.

É tão interessante e gostoso sentir a presença de Deus em pequenas coisas como um simples culto em um pequeno vilarejo, onde 30 pessoas, não mais que isso, louvam a Deus em ar livre, a noite, com pouca luz, em chão de terra, a 10º e muito vento. O cenário é composto por um pequeno caminhão portando a bandeira da congregação, uma árvore pequena de onde veio o foco do holofote principal, alguns aparelhos de som, poucas cadeiras, algumas crianças correndo, e também uma pequena barraquinha onde se vendiam algumas guloseimas aos visitantes; sem instrumentos para louvar, mas com muita unção e vontade de chamar a atenção do Criador o culto começa.

É interessante ver a simplicidade das pessoas, ao não se importarem com as condições, mas louvarem, gritarem, clamarem a Deus, sorrindo, se importando somente com a opinião de Deus a respeito do que está acontecendo.

Em uma pequena oportunidade da palavra que me foi concedida, a única palavra que veio em minha mente, “'loucura”: - somos um bando de doidos, somos loucos, e é isto que o mundo diz de nós, e com razão, gritamos, louvamos, no frio, no escuro, na terra, enquanto podíamos estar em nossos aconchegantes lares, cômodos diante de qualquer afazer, clamamos a um Deus que não podemos ver, e a maior loucura em tudo isso é que mesmo não O vendo, podemos O sentir, somos abençoados e preenchidos com Seu Espírito.

Em meio a tanta loucura e simplicidade, avisto ainda algo que me chama muito a atenção, logo penso; loucos, somos sim, mais louco ainda o pastor desta congregação, o anjo desta igreja, querido amigo, já um pouco idoso, homem que por loucura aceitou os planos de Deus, e foi, simplesmente e com simplicidade foi a este pequeno lugar fazer esta tão pequena grande obra. Ainda com a oportunidade da palavra, o vejo em meio aos seus aparelhos de som, se esforçando pra que ali o melhor fosse feito, e com uma pequena lágrima a quase brotar nos olhos, simplesmente fui tocado de maneira pela qual ainda não havia sido, fui tomado internamente por uma força sobrenatural vinda de Deus, e vejo o qual grande é a felicidade daquele que com simplicidade toca o coração de Deus.

Hoje, um dia depois dos acontecidos, ainda não consigo pensar e não me comover com a cena, deste bando de loucos, ali, no meio do nada, sendo vistos pelo Autor de tudo, e por tão somente isto, cheios de felicidade e do Espírito Santo.

Existe um Deus, a cima dos céus, que é grande suficiente, para que tudo que existe gire em torno Dele, e ainda sim, Este Deus se alegrou e se fez presente, neste pequeno lugar, nos deu atenção, que Deus simples, assim como temos que ser, simples, simples como o Nosso Deus.

Que a paz seja convosco, queridos.

Comente pelo Facebook ()
Ou Comente Aqui (0)

Seja o Primeiro a Comentar!

Caso precise de resposta em sigilo, favor utilizar a nossa página de contato :)