A MOSCA MORTA E O UNGUENTO - SANTIDADE E ARREPENDIMENTO

“Assim como a mosca morta faz com que o unguento do perfumista exale mau cheiro, da mesma forma um pouco de insensatez pesa mais do que a sabedoria e a honra.” (Eclesiastes 10.1)







Antigamente, quando o perfumista produzia seus perfumes ele derramava essência sobre o óleo e deixava que o óleo “curtisse” a essência por vários dias até obter o resultado final (um aroma agradável as narinas), porém, imagine se no meio do processo algo inusitado acontecesse: uma mosca morta cai dentro do vidro de unguento (todos sabem como uma mosca/percevejo que exala mau cheiro caísse no unguento, estragando todo processo... ok, você deve estar se perguntando: o que a mosca tem a ver comigo e minha vida cristã?

Você se lembra daquela frase: “as pessoas se lembram mais de UM erro seu do que TODAS outras coisas boas que você fez.” Exatamente isso! Até quando entregaremos apenas 99% do nosso coração a Deus? Até quando resistiremos e continuaremos insistindo em estar na lama do pecado, pensando que o juízo nunca virá sobre nós? Afinal, o que é santidade e para que preciso vivê-la? Para responder todas essas perguntas, gostaria de compartilhar uma pregação que assisti ontem! Creio que falará fortemente ao coração de cada leitor, assim como Deus falou e tratou (muuuuuuito) comigo. Vale muito apena assistir e ser confrontado com essa palavra. O arrependimento só vem quando somos confrontados por Deus, não tenha medo. Ainda há tempo para se arrepender e recomeçar.

Segue abaixo o link da pregação:

 

Comente pelo Facebook ()
Ou Comente Aqui (0)

Seja o Primeiro a Comentar!

Caso precise de resposta em sigilo, favor utilizar a nossa página de contato :)