O SILENCIO DE DEUS

Imagem retirada de: Amigos do Rei

Muitas vezes, o Senhor se cala para nós, no meio do dilúvio, no passar do deserto, no vale e em outros lugares e momentos da nossa vida. Às vezes perguntamos o porquê desse silencio. Pensamos que fizemos algo errado, ou que Deus se esqueceu de nós. Tantos pensamentos passam em nossa mente. Mas devemos confiar no Senhor, pois Ele falará conosco e nos mostrará que Ele jamais se esquece de seus filhos.

Acredito que: o propósito do silencio é nos moldar. Acredito que Deus trabalha em nossas vidas. O silencio serve, às vezes, para nos quebrar, mas para nos fazer de novo, melhores do que antes. É certo que, depois dessa fase (a do silencio de Deus), ficamos mais fortes, mais resistentes e mais perto d’Ele, com a certeza de que tudo coopera para o bem. Ele não tira seus olhos de nós nem por um segundo.

O nosso tempo não é o tempo de Deus. Deus sabe o que é melhor para nós. Ele cuida de nós. Ele nos ama. Acredite, Deus não se esqueceu de você, Ele só está agindo em silencio, por um motivo que você entenderá depois e ajudará outras pessoas que estão por isso.

Noé ficou navegando no meio do dilúvio cerca de 150 dias sem ouvir a voz de Deus. Imagina como estaríamos desesperados no lugar dele, em meio à água, dentro de um navio com diversos animais.  Pois é, mas Deus sabe o tempo certo. Depois desse tempo, Deus falou com Noé e o abençoou e lhe fez promessas. Assim é em nossa vida, Deus se cala para o nosso bem, e nós devemos perseverar em buscá-lo e pedir sempre que nos oriente a cada momento de nossa vida.

Não se precipite, não se preocupe, descanse seu coração no Senhor, pois Ele não se esqueceu de você. Deus está trabalhando, Ele está agindo em seu favor, não dá maneira como você gostaria, mas dá forma que será melhor para você. Deus te conhece melhor do que você mesmo, por isso Ele está no controle de tudo.

Lembre-se: Deus pode estar em silencio, mas jamais estará ausente.

“Porventura pode uma mulher esquecer-se tanto de seu filho que cria, que não se compadeça dele, do filho do seu ventre? Mas ainda que esta se esquecesse dele, contudo eu não me esquecerei de ti. Eis que nas palmas das minhas mãos eu te gravei; os teus muros estão continuamente diante de mim.” (Isaías 49.15-16)

“Mas agora, assim diz o SENHOR que te criou, ó Jacó, e que te formou, ó Israel: Não temas, porque eu te remi; chamei-te pelo teu nome, tu és meu”.

Quando passares pelas águas estarei contigo, e quando pelos rios, eles não te submergirão; quando passares pelo fogo, não te queimarás, nem a chama arderá em ti. “Porque eu sou o Senhor teu Deus, o Santo de Israel, o teu Salvador; dei o Egito por teu resgate, à Etiópia e a Seba em teu lugar.” (Isaías 43.1-3)

Comente pelo Facebook ()
Ou Comente Aqui (0)

Seja o Primeiro a Comentar!

Caso precise de resposta em sigilo, favor utilizar a nossa página de contato :)