O DIA DELES...

Imagem retirada de: Nóiz n@ rede

Não digo isso apenas em relação aos cristãos em áreas de perseguição, mas as outras pessoas que precisam ser alcançadas e você não está fazendo absolutamente nada.

Você está brigando por um lugar no púlpito, eles lutam por um lugar para realizarem os cultos.

Você boceja nas pregações, eles as ouvem como se fossem a última. você canta e nem presta atenção no que está cantando, eles cantam com toda alma e alegria, pois se lembram de onde vieram.

Você reclama que o culto está demorando, eles queriam ao menos 5 minutos.

Sua Bíblia vive encostada e você a substitui por tabletes e celulares, eles protegem e escondem a única página que lhes sobrou e que em breve será destruída pelo fogo. Você fica horas na frente do espelho se arrumando antes do culto e ainda cola um espelho na contracapa da sua Bíblia e alisa a sua franja, eles usam o que tem, caminham horas até chegarem às igrejas e não se importam com os pés sujos, o suor e os cabelos desarrumados.

Você vive um evangelho de vitórias, em que chaves, bênçãos e palcos são pregados, eles vivem um evangelho de cruz, de renúncia, de dor.

Você grita pelo seu time de futebol e passa noites comentando sobre ele, outros gritam e clamam pelo amor, pela esperança de um dia viver aonde não haverá mais choro.

Você se inscreve em todos os “Multi”, “Tele”, “Cash”, “Likes” e enche sua timeline disso, existem pessoas perto de você precisando ouvir que Jesus as ama.

Você está em uma busca insaciável por dinheiro, luxo, bens materiais e tesouros terrenos, outros estão perdendo seus empregos por servirem a Cristo, mas conscientes de que estão ajuntando tesouros nos Céus.

Você está livre para falar do nome de Jesus e leva o evangelismo como obrigação, por um dia na semana/mês/ano, eles contrabandeiam Bíblias, se escondem, pregam para os vizinhos, pregam nas prisões…

Você nem se esforça em conhecer a Cristo, existe alguém que O anseia mais do que a própria vida, dentro de uma prisão com 47°C ou -10°C.

Você nem se importa em levar seus filhos para as igrejas, existem crianças que são expulsas de casa por terem encontrado uma igreja.

Você pensa que para fazer missões precisa ser consagrado, chamado e enviado à África, existem milhares de mendigos nas ruas da sua cidade precisando do alimento e do Alimento.

Você curte congressos, pregadores de fora, cantores, bajulações, entre outras coisas, muitos pastores estão dando a vida por suas igrejas subterrâneas, perdendo suas cabeças, seus filhos e vendo suas esposas sendo abusadas.

Você tem amigos de longas datas que nunca ouviram de você que Jesus salva e é o único caminho, outros estão sendo queimados nas praças porque não negam a Cristo e gritam Seu amor aos quatro ventos.

Lembre-se daqueles que estão longe e daqueles que estão perto.

Existe alguém bem próximo a você que precisa de amor.  Alguém dormindo na sua calçada que precisa de amor. Crianças crescendo sem Jesus porque estão diante de computadores e programas de televisão. 

Adolescentes morrendo dentro da sua igreja, viciados em pornografia e envolvidos com homossexualismo porque você está mais preocupado com as vestimentas da irmã ao seu lado ou com o lanche que vai comer após o culto.

Existem cristãos precisando ser lembrados. Existem almas vidas que precisam ser alcançadas. Existe vida além da sua zona de conforto. Existe uma cruz, uma renúncia, um “negue-se a si mesmo”. Existe um Jesus Cristo que morreu na Cruz por amor e precisa ser lembrado não apenas por Seu sacrifício, pendurado em uma corrente no seu pescoço ou na sua camiseta, mas Jesus quer ser lembrado pelo que Ele é.

Autora: Raíssa Bulhões

Fonte: http://raissabulhoes.tumblr.com/tagged/textosraissa

Comente pelo Facebook ()
Ou Comente Aqui (0)

Seja o Primeiro a Comentar!

Caso precise de resposta em sigilo, favor utilizar a nossa página de contato :)